RSS

Starbucks Blond Willow Blend

24 maio

Inauguro a série de degustações de cafés acessíveis ao apreciador comum com uma grata surpresa. Sempre tive um pé atrás com a Starbucks – achava que os cafés deles tinham todos um gosto padrão. Mas eles mudaram um pouco a estratégia de mercado e reestruturaram a classificação de grãos usando um parâmetro mais realístico. Ao invés de classificarem, predominantemente, por origem, passaram a usar o tipo de torra como primeiro critério.

Resultado: podemos escolher antes a torra, fator que mais influencia o gosto da bebida, fora a qualidade do café.. Depois, dentro da torra eleita, há sempre mais de uma opção de origem.

Meu eleito, logo de cara, foi o Blonde Willow Blend, origem colombiana, já que prefiro veementemente a torra clara! Valeu a pena, pois a experiência da degustação foi das melhores, para resumir a impressão que me deixou esse café.

Preparo: espresso, grãos moídos em moínho elétrico caseiro.

Obs: custei a encontrar a moagem certa, já que se trata de um café bem suave. Apanhei bastante até descobrir que a bebida ideal só se atinge usando filtro para espresso duplo, isto é, o melhor resultado se encontra usando quantidade grande de matéria prima. A economia deve ser secundária em se tratando desse café.

Vamos aos resultados:

Aroma: suave, muito agradável, tendo como principal característica o frescor de frutos recém colhidas.

Acidez: média alta – ideal, a meu ver.

Corpo: médio, tendendo ao ligeiro (2 pontos na escala).

Sabor: Frutado, com final que lembra muito a néspera. Muito agradável.

Impressões gerais: excelente café. Tem um frescor inigualável, como característica mais marcante. Seu aftertaste é dos melhores que já vi, deixando um rastro de frutas recém colhidas, ligeiramente adstringente.

Conceito: excelente.

Onde comprar: qualquer loja Starbucks. Preço: 80 reais o quilo (alto, mas vale a pena). O pacote vendido na loja é de 250 gramas e custa 20 reais.

Veja vídeo da torra, pela Starbucks: http://www.starbucksstore.com/starbucks-willow-blend/011017873,default,pd.html

Anúncios
 
4 Comentários

Publicado por em 24 de maio de 2012 em Cafés gourmet - marcas e opinião

 

Tags: , , , , , ,

4 Respostas para “Starbucks Blond Willow Blend

  1. Brindo

    10 de outubro de 2016 at 23:20

    Horrível o grão de café! Os grãos são queimados e ficam com gosto de carvão. Quem gosta de um café deste não entende nada de café. Com um 1kg de café Starbucks compro 2,5 kg de um café top no mercado. Comprei o café da Colômbia e Kenya. Minha maior decepção em 8 anos que faço meu próprio expresso.

    Curtir

     
    • Aprecie Café!

      11 de outubro de 2016 at 13:27

      Prezado Brindo: boa tarde! Sim o café do Starbucks é pura marca. Ao menos no Brasil. Pelo menos a torra,é péssima. Todos são queimados. Inclusive o blonde.
      Quais cafés de alta qualidade você gosta de consumir?

      Curtir

       
  2. Ivan Fortes

    31 de maio de 2012 at 21:07

    Amanhã irei a starbucks e vou experimentar este café na prensa francesa. Segundo sua avaliação acredito que vou gostar muito. Depois passo aqui e edito o comentário
    abraços

    Curtir

     
    • Apreciar café

      1 de junho de 2012 at 14:54

      Caro Ivan, quando provei a esse café no Starbucks, a loja errou o preço e me cobrou 5,50 reais, enquanto na verdade, o preço praticado é de 9,50 reais. pelo café da prensa pequena. Peço descupas pelo delay na atualização. Espero que mesmo assim, possa apreciar muito a experiência! Abraços.

      Curtir

       

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
Brasilagro

Brasil Agribusiness News - Brasil Agronegócios

Hearts and Minds

O que não muda é que tudo muda.

Tom Fernandes

"‎Quando eu era menino, todos me chamavam de mentiroso. Agora eu sou adulto, e me chamam de escritor." Isaac Bashevis Singer

Kelly Cristina

A única fonte de felicidade está dentro de nós mesmos, e deve ser repartida. Repartir as alegrias é como espalhar perfume sobre os outros: sempre algumas gotas acabam caindo sobre nós mesmos. Sou apaixonada pela minha familia e pelo meu trabalho, sei que a cada dia eu tenho a oportunidade de aprender um pouco mais.

Seu Dinheiro na Internet

Ganhe Dinheiro na Internet sem vender sua alma.

O Mochileiro

Mochila, cultura e experiência.

IMPRESSIONARE (21)99584-4658 (21)3627-5431

Orçamentos: contato.impressionare@gmail.com

Paulo Junior's Blog

"As dificuldades devem ser usadas para crescer, não para desencorajar. O espírito humano cresce mais forte no conflito.” (William Ellery Channing)

CB - CARLOS BESSA ASSESSORIA E VENDAS

vendas; setor moveleiro; mobiliário; treinamento; gestão de vendas; representação

jsazevedoja

Este site WordPress.com é supimpa

Uma dose

Só para garantir.

Nádia Jung

Porque às vezes as palavras têm de dar lugar ao silêncio, porque às vezes só um gesto inconsciente pode provocar a captura do inexplicável, porque o olho sabe antes que a mente, porque a fotografia é necessária na minha vida ...

Café Etrusca

Café, café de especialidad, café gourmet, insumos para cafetería, maquinaria para cafeterías, mobiliario para cafeterías, barista champ

Desenvolvendo ABAP/4

Just another WordPress.com weblog

tmenegatti

Thiago Menegatti

Dedo-no-zoio

Por que o mundo é dos espertos!

%d blogueiros gostam disto: